Comentários sobre questão de Biologia (não classificadas) -
questões de vestibulares
|

Comentários sobre a questão de Biologia (não classificadas) -

 




pergunta:(Cps)Segundo Serginho Groissman "O país está melhor. Falta muito, mas o olhar está mais atento, e até o sexo está mais seguro". E é verdade. Nos últimos dez anos, chegaram ao mercado novos tipos de preservativos e as inovações mais recentes incluem novos materiais, tamanhos, formatos, cores, texturas, odores e sabores, além de novos tipos de lubrificantes.




Leia as duas informações a seguir:

A defasagem entre a necessidade e o uso de preservativos tem sido o maior desafio da saúde pública. Estima-se que 24 bilhões de preservativos deveriam ser usados a cada ano, mas o uso real é muito menor, ficando apenas entre 6 e 9 bilhões.
(http://boasaude.uol.com.br)

Por outro lado, "o consumo da pílula do dia seguinte entre meninas de 12 a 19 anos teve um aumento de 100% no período de junho de 2002 a junho de 2004. Essa pílula contém doses elevadas de hormônio e, ao contrário do que muita gente pensa, não é um método anticoncepcional a mais, é a contracepção emergencial. Isso significa que deveria ser usada em casos de estupro ou rompimento da camisinha, e não como rotina, visto que duas pílulas do dia seguinte carregam uma dose cavalar de hormônios - quase a mesma dosagem distribuída nas 21 pílulas da cartela de anticoncepcional convencional. Essas pílulas ou dificultam o encontro do espermatozóide com o óvulo ou provocam descamação uterina, impedindo a implantação do zigoto na mesma".
(adaptado de Folhateen da "Folha de S. Paulo" de 30/08/04)

A partir dessa leitura e de outras informações científicas é válido concluir que
a) o aumento excessivo do uso das "pílulas do dia seguinte" explica-se pelo fato de que, por serem mais recentes que os demais métodos anticoncepcionais, elas protegem melhor o organismo da adolescente.
b) a camisinha, além de evitar gravidez, protege os parceiros sexuais da contaminação por outros microorganismos, sem provocar sobrecarga hormonal para o organismo feminino.
c) quando o(a) parceiro(a) sexual tiver boa aparência ou for conhecido(a) da família, a camisinha deve ser evitada pois não há perigo de contaminação e o seu uso pode inibir o desejo sexual.
d) os preservativos, ao evitarem a infecção pelo HIV, promovem aumento da contaminação por outros microorganismos, fato controlado pela pílula do dia seguinte.
e) o uso da pílula é mais adequado que o uso da camisinha, pois evita que os parceiros sintam vergonha de conversar sobre sua sexualidade além de impedir a contaminação pelo HIV.

resposta:[B]


Insira seu comentário:
(Sujeito a Moderação)


comentário:


selecione o que melhor te descreve



anatomia sistema circulatorio