Questões de História do Brasil - Perguntas e Respostas Comentadas - Exercícios
questões de vestibulares
|

 

Questões História do Brasil

REF. Perguntas / Respostas
vestibular Ufrrj-2005
tópico:História do Brasil

sub-grupo:Era Vargas
pergunta:Leia o trecho selecionado do "Manifesto de Outubro", documento básico da Ação Integralista Brasileira, tornado público em 1932. Pretendemos realizar o Estado Integralista, livre de todo e qualquer princípio de divisão: partidos políticos; estadualismos em luta pela hegemonia; lutas de classes; facções locais; caudilhismos; economia desorganizada; antagonismos de militares e civis; antagonismos entre polícias estaduais e o Exército; entre o governo e o povo; entre o governo e os intelectuais; entre estes e a massa popular. (...) Pretendemos criar, como os elementos raciais, segundo os imperativos mesológicos, e econômicos, a Nação Brasileira, salvando-a dos erros da civilização capitalista e dos erros da barbaria comunista. (...) FENELON, Déa Ribeiro. "50 Textos de História do Brasil". São Paulo: Hucitec, 1974. p. 156-158. Partindo deste texto:
a) Contextualize a Ação Integralista Brasileira no cenário político e ideológico internacional dos anos 30.
b) Estabeleça uma relação entre a Ação Integralista Brasileira e o Estado Novo.



resposta:

vestibular Ufrrj-2005
tópico:História do Brasil

sub-grupo:Era Vargas
pergunta:Getúlio Vargas até hoje é um nome conhecido por muitos brasileiros. A maneira de Getúlio Vargas governar, nas décadas de 30 a 50, modo esse típico da América Latina, denominou-se Populismo. O Populismo varguista também é chamado de Trabalhismo, uma forma específica (própria dele) de Getúlio lidar com a questão dos trabalhadores. Em relação ao Trabalhismo de Vargas é correto se afirmar que: I - As leis trabalhistas de Getúlio só valiam para os trabalhadores urbanos. Porém sabe-se que, na época, 60% dos brasileiros viviam no campo. II - O campesinato brasileiro foi amplamente beneficiado pelas leis trabalhistas, visto que Getúlio defendia a Reforma Agrária. III - A concessão de direitos trabalhistas estava voltada a evitar greves, uma vez que o pacto populista, proposto por Getúlio aos trabalhadores, buscava inibir o avanço das forças trabalhistas com vistas a uma revolução socialista igual à da Rússia. IV - Getúlio concedeu o direito de greve aos trabalhadores, subordinando os sindicatos ao Ministério das Relações Exteriores. V - O Estado Novo se valia do Departamento de Imprensa e Propaganda (DIP). A propaganda política tentava convencer os brasileiros de que Getúlio era o "pai dos pobres". Estão corretas as afirmações:
a) I, II e III.
b) I, II e IV.
c) I, III e V.
d) II, III e V.
e) III, IV e V.



resposta:[C]

vestibular Ufsc-2005
tópico:História do Brasil

sub-grupo:Era Vargas
pergunta:"Mais uma vez, as forças e os interesses contra o povo coordenaram-se e novamente se desencadeiam sobre mim. Não me acusam, insultam; não me combatem, caluniam e não me dão o direito de defesa. Precisam sufocar a minha voz e impedir a minha ação, pra que eu não continue a defender, como sempre defendi, o povo e principalmente os humildes (...) Lutei contra a espoliação do Brasil. Lutei contra a espoliação do povo. Tenho lutado de peito aberto. O ódio, as infâmias, a calúnia não abateram meu ânimo. Eu vos dei a minha vida. Agora vos ofereço a minha morte. Nada receio. Serenamente dou o primeiro passo no caminho da eternidade e saio da vida para entrar na história." (Carta-Testamento de Getúlio Vargas) Sobre o longo, conturbado e polêmico período de governo de Getúlio Vargas, é CORRETO afirmar que:
(01) a despeito dos seus críticos, é possível dizer que Getúlio Vargas sempre governou de forma democrática, defendendo os interesses do povo e se colocando contra os interesses dos grandes empresários e banqueiros, como se lê na sua carta-testamento.
(02) em 1934, Getúlio foi eleito presidente por sufrágio indireto. Seu mandato deveria durar até 1938, quando seriam realizadas eleições diretas para a presidência.
(04) em 1937, por meio de um golpe de estado, inaugurou-se o Estado Novo, pondo fim à campanha para presidente que estava em pleno curso. Terror policial, tortura e prisões ocorreram até 1945.
(08) em 1950, Vargas foi eleito presidente da república, pela primeira vez pelo voto direto. Esse período na presidência foi marcado por um discurso fortemente nacionalista, pelos constantes apelos aos trabalhadores e pelos embates com uma oposição, como o próprio Vargas, nem sempre democrática. (16) Getúlio Vargas, oriundo da oligarquia gaúcha, chegou ao poder com um discurso antioligárquico, através de um movimento armado, em 1930.



resposta:02 + 04 + 08 + 16 = 30

vestibular Puccamp-2004
tópico:História do Brasil

sub-grupo:Nova República
pergunta:Para responder à questão, analise o gráfico a seguir.

A eleição presidencial de 1989 foi um marco importante de redemocratização do Brasil. No processo histórico das últimas décadas, essa eleição representou o resultado
a) do embate político entre as forças de direita e de esquerda, que disputavam o controle do movimento pelas "diretas já" desde a eleição, pelo sufrágio universal, do presidente Tancredo Neves, em 1985.
b) das lutas políticas de setores progressistas da sociedade brasileira, que objetivavam resgatar o direito ao voto direto para presidência da República que tinha sido abolido pelo Ato Institucional n.o 2, em 1965.
c) do planejamento político delineado pelo presidente Castelo Branco, que definiu, no Ato Institucional n.o 3, retomada do processo democrático para o final da década de 1990.
d) da luta armada realizada por grupos trotskistas e leninistas, que conseguiram neutralizar a ação do aparelho militar, abrindo espaço para a ação dos setores democráticos que defendiam o direito ao voto direto.
e) da vitória da atuação dos juristas pela instituição do estado democrático no Brasil, que conseguiram estabelecer as primeiras eleições diretas, por meio do sufrágio universal, na história do país.


resposta:[B]

vestibular Puccamp-2004
tópico:História do Brasil

sub-grupo:Nova República
pergunta:Para responder à questão, analise o gráfico a seguir.

Ao assumir a presidência do Brasil, em 1990, Fernando Collor de Melo adotou um Plano econômico baseado na premissa central de que
a) a redução dos altos salários dos políticos traria a estabilidade econômica sonhada pelos brasileiros, medida que o tornou conhecido como "caçador de marajás".
b) a elevação da taxa de juros e patamares acima de 20% ao mês seria uma medida econômica determinante para a redução dos preços e salários e, portanto, da queda da inflação.
c) o excesso de dinheiro em circulação provocava a especulação financeira e a elevação da espiral inflacionária, sendo o seu enxugamento um fator determinante para frear a escalada da inflação.
d) a distribuição eqüitativa da renda nacional minimizaria o problema inflacionário, por isso optou pelo bloqueio dos cruzados das classes sociais mais favorecidas.
e) o Estado deveria ampliar sua atuação no domínio econômico visando forçar o setor privado a reduzir sua margem de lucro e os preços dos produtos de primeira necessidade.


resposta:[C]

vestibular Uff-2004
tópico:História do Brasil

sub-grupo:Nova República
pergunta:O ano de 1985 foi o marco inaugural da chamada Nova República no Brasil. Representou o retorno do Poder Executivo às mãos de civis, após 21 anos de ditadura militar. Essa transição democrática, entretanto, não foi simples, revelando rupturas e também continuidades. Indique dois aspectos de ruptura e dois de continuidade, inerentes à Nova República brasileira.



resposta:

vestibular Ufrs-2004
tópico:História do Brasil

sub-grupo:Nova República
pergunta:Os fatos abaixo apresentam fases do processo de transição ao regime democrático no Brasil contemporâneo. Assinale a seqüência cronológica correta.
a) Anistia - Diretas já - Nova República - Constituição de 1988 - Plano Cruzado
b) Diretas já - Anistia - Eleição do presidente Sarney - Plano Cruzado - Constituição de 1988
c) Anistia - Plano Cruzado - Constituição de 1988 - Diretas já - Eleição de Collor
d) Diretas já - Nova República - Plano Cruzado -Constituição de 1988 - Eleição de Collor
e) Anistia - Plano Cruzado - Eleição de Tancredo Neves - Constituição de 1988 - Diretas já



resposta:[D]

vestibular Ufu-2004
tópico:História do Brasil

sub-grupo:Nova República
pergunta:A respeito das manifestações sociais ocorridas no Brasil entre 1983 e 1993, assinale a alternativa correta.
a) Entre os mais significativos movimentos, estão o dos consumidores em defesa do congelamento de preços no Plano Cruzado e o dos estudantes "caras-pintadas", que ocuparam as ruas exigindo o impeachment do presidente Collor, investigado por corrupção e enfraquecido pelo fracasso na política econômica de combate à inflação.
b) A campanha das "Diretas-Já", iniciada após a derrota da emenda Dante de Oliveira pela eleição direta para presidente, reuniu políticos e intelectuais na chamada Aliança Liberal, tendo sido fortemente impulsionada pela mídia televisiva.
c) A década de 1980 pode ser identificada como a década dos movimentos sindicais operários, após a fundação da CUT, Central Única dos Trabalhadores. Isto deveu-se à desmobilização dos servidores públicos, ao enfraquecimento do movimento ecológico após a morte do líber seringueiro Chico Mendes e à diminuição dos saques, invasões de terras e terrenos.
d) A comoção social observada com a morte e o enterro do presidente Tancredo Neves, cuja eleição selou o fim da ditadura, tornou-se símbolo de mobilização nacional popular, possibilitando a vitória das esquerdas na constituinte de 1988 contra o chamado "Centrão", sobretudo com os avanços obtidos na legislação sobre a Reforma Agrária.



resposta:[A]

vestibular Fatec-2005
tópico:História do Brasil

sub-grupo:Nova República
pergunta:Sobre a eleição de Tancredo Neves, em 1985, é correto afirmar:
a) foi eleito pela Aliança Democrática, de forma direta, tendo como opositor Paulo Maluf.
b) foi eleito pela Aliança Democrática, de forma indireta pelo Colégio Eleitoral, tendo como opositor José Sarney.
c) foi eleito somente pelo PMDB, de forma direta, tendo como opositor Paulo Maluf.
d) foi eleito somente pelo PMDB, de forma indireta pelo Colégio Eleitoral, tendo como opositor Paulo Maluf.
e) foi eleito pela Aliança Democrática, de forma indireta pelo Colégio Eleitoral, tendo como opositor Paulo Maluf.



resposta:[E]

vestibular Fuvest-2005
tópico:História do Brasil

sub-grupo:Nova República
pergunta:Nos últimos 20 anos, houve mudanças sócio-econômicas significativas no Brasil. Entre elas, observa-se que
a) a produtividade agrícola avançou, mas não eliminou os movimentos sociais no campo.
b) o país entrou na era da globalização e a produção industrial alcançou autonomia tecnológica.
c) as crises econômicas não foram superadas, mas o produto interno bruto (PIB) cresceu continuamente.
d) as políticas para o meio ambiente ocuparam o centro da agenda governamental e suas metas principais foram implementadas.
e) o desemprego se agravou, mas as políticas públicas compensaram seus efeitos negativos.



resposta:[A]

vestibular Uerj-2005
tópico:História do Brasil

sub-grupo:Nova República
pergunta:O BALANÇO DAS PRIVATIZAÇÕES O que o governo diz: - Dinheiro arrecadado + dívidas transferidas = 85,2 bilhões de reais As contas que o governo esconde: - Dinheiro que não entrou nos cofres do governo ou que saiu deles = 87,6 bilhões de reais (Adaptado de BIONDI, Aloysio. "O Brasil privatizado". São Paulo: Fundação Perseu Abramo, 1999.) Os dados apresentados referem-se ao processo de privatizações no Brasil, nos anos 90. A expansão desse processo, em escala global, como parte das políticas neoliberais, é decorrente da relação entre:
a) falência das empresas estatais e endividamento do Estado
b) especialização produtiva e flexibilização da legislação trabalhista
c) manutenção do sistema previdenciário e crescimento dos gastos públicos
d) expansão dos conglomerados internacionais e desregulamentação econômica



resposta:[D]

vestibular Uerj-2005
tópico:História do Brasil

sub-grupo:Nova República
pergunta:

(NOVAES, Carlos E. e LOBO, César. "História do Brasil para principiantes". São Paulo: Ática, 1999.) A charge acima nos remete às eleições presidenciais de 1989, vencidas por Fernando Collor, que governou de 1990 até seu impeachment em 1992. Uma característica da política econômica implementada por esse governo que o diferencia dos anteriores é:
a) estatização das indústrias de base
b) adoção do ortodoxismo monetário
c) aumento do número de empresas estatais
d) abertura da economia aos produtos estrangeiros


resposta:[D]