Banco de dados de questões sobre Descobrimento do Brasil
questões de vestibulares
|

 

Questões Descobrimento do Brasil

REF. Pergunta/Resposta
origem:Outros
tópico:
Brasil

sub-grupo:Descobrimento do Brasil

pergunta:O Brasil foi declarado possessão de Portugal no ano de 1500. Responda:
a) Quem declarou a possessão do Brasil para Portugal?
b) Em que dia e mês esse fato ocorreu?




resposta:

origem:Outros
tópico:
Brasil

sub-grupo:Descobrimento do Brasil

pergunta:Durante quase 30 anos Portugal não se preocupou em ocupar as terras brasileiras. Devido aos ataques de piratas estrangeiros, o rei mandou, em 1530, uma expedição ao Brasil. Responda:
a) Quem era o capitão-mór da expedição de 1530?
b) Qual foi o principal objetivo dessa expedição?
c) Que nome recebeu o 1.o núcleo de povoamento fundado no Brasil? Quem o fundou?
d) Qual foi a atividade econômica escolhida para dar início ao povoamento no Brasil?




resposta:

origem:Outros
tópico:
Brasil

sub-grupo:Descobrimento do Brasil

pergunta:Portugal queria garantir seu lucro na exploração da colônia.
a) Quais foram as medidas que o rei, D. João III, tomou para garantir o lucro de Portugal?




resposta:

origem:Faap
tópico:
Brasil

sub-grupo:Descobrimento do Brasil

pergunta:Em apenas uma alternativa é falsa a correspondência entre a data e o fato importante:
a) 1315 - Tomada de Ceuta (Início das Grandes Navegações)
b) 1434 - Gil Eanes chega à Índias
c) 1471 - Os portugueses chegam ao Equador
d) 1488 - Bartolomeu Dias chega ao Cabo da Boa Esperança
e) 1498 - Vasco da Gama chega às Índias




resposta:[A]

origem:Faap
tópico:
Brasil

sub-grupo:Descobrimento do Brasil

pergunta:Em apenas uma alternativa é falsa a correspondência entre a data e o fato importante:
a) 1380 - Tárik, chefe muçulmano, invadiu a Península Ibérica
b) 1385 - Batalha de Aljubarrota com a vitória dos portugueses contra os espanhóis
c) 1415 - Queda de Ceuta e início da expansão portuguesa
d) 1498 - Vasco da Gama chegou às Índias
e) 1500 - A expedição de Cabral chegou às costas do Brasil




resposta:[A]

origem:Fgv
tópico:
Brasil

sub-grupo:Descobrimento do Brasil

pergunta:Com relação aos indígenas brasileiros, pode-se afirmar que:
a) os primitivos habitantes do Brasil viviam na etapa paleolítica do desenvolvimento humano;
b) os índios brasileiros não aceitaram trabalhar para os colonizadores portugueses na agricultura não por preguiça, e sim porque não conheciam a agricultura;
c) os índios brasileiros falavam todos a chamada "língua geral" tupi-guarani;
d) os tupis do litoral não precisavam conhecer a agricultura porque tinham pesca abundante e muitos frutos do mar de conchas, que formaram os "sambaquis";
e) os índios brasileiros, como um todo, não tinham homogeneidade nas suas variadas culturas e nações.




resposta:[E]

origem:Unicamp
tópico:
Brasil

sub-grupo:Descobrimento do Brasil

pergunta:A base da tese de que o Brasil teria sido descoberto por Duarte Pacheco em 1498 gira em torno de seu manuscrito intitulado "Esmeraldo de situ orbis" produzido entre 1505 e 1508. Trata-se de um relato das viagens de Duarte Pacheco não só ao Brasil como também à costa da África, principal fonte de riqueza de Portugal no século XV. O rei Dom Manoel I considerou tão valiosas as informações náuticas, geográficas e econômicas contidas no documento que jamais permitiu que esse fosse tornado público. (Adaptado de: ISTO É. 26 de novembro de 1997. pp.65-66)
a) Em que o relato de Duarte Pacheco altera a versão oficial do descobrimento do Brasil?
b) Por que, no contexto da expansão ultramarina, Portugal procurou manter este relato em segredo?
c) Quais os interesses de Portugal com a expansão ultramarina?




resposta:a)O relato de Duarte Pacheco não dizia que o Brasil foi descoberto por Álvares Cabral em 1500.
b)Este termo refere-se á uma forma de agir a todo o saber que pudesse ser útil para a expansão portuguesa adotada pelos reis D. João II e D. Manuel I, e se essas informações fossem divulgadas poderiam correr o risco de atrair interesses de outros governos.
c)Portugal tinha como interesse a expansão comercial e marítima, pois queria quebrar o monopólio que a Itália tinha sobre o comércio de especiarias.

origem:
tópico:
Brasil

sub-grupo:Descobrimento do Brasil

pergunta:Leia o texto. "As águas são muitas e infindas. E em tal maneira [a terra] é grandiosa que, querendo aproveitá-la, tudo dará nela, por causa das águas que tem. Porém, o melhor fruto que dela se pode tirar me parece que será salvar esta gente. E esta deve ser a principal semente que Vossa Alteza nela deve lançar. E que não houvesse mais que ter aqui Vossa Alteza esta pousada para a navegação [...], isso bastava. Mas ainda, disposição para nela cumprir-se - e fazer - o que Vossa Alteza tanto deseja, a saber o acrescentamento da nossa Santa Fé!" ("Carta de Pero Vaz de Caminha", 1.o de maio de 1500.) Com base nesse trecho da carta de Caminha, o descobrimento do Brasil pode ser relacionado
a) à procura de produtos para o comércio no Continente Europeu.
b) ao ideal de expansão religiosa do cristianismo.
c) à divisão do cristianismo pela Reforma Religiosa.
d) à procura do caminho marítimo para as Índias.




resposta:[B]

origem:Ufsc
tópico:
Brasil

sub-grupo:Descobrimento do Brasil

pergunta:"Pelo sertão nos pareceu, vista do mar, muito grande, porque, a estender olhos, não podíamos ver senão terra com arvoredos que nos parecia muito longa. Nela, até agora, não pudemos saber que haja ouro, nem prata, nem coisa alguma de metal ou ferro, nem lho vimos. Porém a terra em si é de muito bons ares, assim frios e temperados, como os dentre Douro e Minho, porque neste tempo de agora assim os achávamos como os de lá. As águas são muitas; infindas. E em tal maneira é graciosa que, querendo-a aproveitar, dar-se-á nela tudo, por bem das águas que tem. Porém, o melhor fruto, que dela se pode tirar, me parece que será salvar esta gente. E esta deve ser a principal semente que Vossa Alteza nela deve lançar (...)." Pero Vaz de Caminha. Carta a el-rei D. Manuel (1 de maio de 1500). As informações do texto apresentado permitem afirmar que: 01. as terras avistadas despertaram o entusiasmo do cronista pela extensão e pelas possibilidades que ofereciam da existência de metais preciosos. 02. as referências ao clima, às águas, ao solo, à natureza e as possibilidades de evangelização confirmam a certeza do cronista que as terras eram habitadas. 04. a possibilidade de os nativos serem salvos apresentava-se para o cronista como o principal investimento para os portugueses. 08. aos olhos do cronista de Cabral, as terras vislumbradas da caravela ofereciam possibilidades promissoras ligadas à agricultura, à pecuária e à mineração. 16. as atitudes amistosas dos nativos da América para com os portugueses, a inocência de sua nudez e o meio ambiente descrito pelo cronista confirmavam a localização do paraíso terrestre.



resposta:02 + 04 = 06

origem:Mackenzie
tópico:
Brasil

sub-grupo:Descobrimento do Brasil

pergunta:A árvore de pau-brasil era frondosa, com folhas de um verde acinzentado quase metálico e belas flores amarelas. Havia exemplares extraordinários, tão grossos que três homens não poderiam abraçá-los. O tronco vermelho ferruginoso chegava a ter, algumas vezes, 30 metros(...) Náufragos, Degredados e Traficantes (Eduardo Bueno) Em 1550, segundo o pastor francês Jean de Lery, em um único depósito havia cem mil toras. Sobre esta riqueza neste período da História do Brasil podemos afirmar.
a) O extrativismo foi rigidamente controlado para evitar o esgotamento da madeira.
b) Provocou intenso povoamento e colonização, já que demandava muita mão-de-obra.
c) Explorado com mão-de-obra indígena, através do escambo, gerou feitorias ao longo da costa; seu intenso extrativismo levou ao esgotamento da madeira.
d) O litoral brasileiro não era ainda alvo de traficantes e corsários franceses e de outras nacionalidades, já que a madeira não tinha valor comercial.
e) Os choques violentos com as tribos foram inevitáveis, já que os portugueses arrendatários escravizaram as tribos litorâneas para a exploração do pau-brasil.




resposta:[C]

origem:Mackenzie
tópico:
Brasil

sub-grupo:Descobrimento do Brasil

pergunta:Enquanto os portugueses escutavam a missa com muito "prazer e devoção", a praia encheu-se de nativos. Eles sentavam-se lá surpresos com a complexidade do ritual que observavam ao longe. Quando D. Henrique acabou a pregação, os indígenas se ergueram e começaram a soprar conchas e buzinas, saltando e dançando (...) Náufragos Degredados e Traficantes (Eduardo Bueno) Este contato amistoso entre brancos e índios preservado:
a) pela Igreja, que sempre respeitou a cultura indígena no decurso da catequese.
b) até o início da colonização quando o índio, vitimado por doenças, escravidão e extermínio, passou a ser descrito como sendo selvagem, indolente e canibal.
c) pelos colonos que escravizaram somente o africano na atividade produtiva de exportação.
d) em todos os períodos da História Colonial Brasileira, passando a figura do índio para o imaginário social como "o bom selvagem e forte colaborador da colonização".
e) sobretudo pelo governo colonial, que tomou várias medidas para impedir o genocídio e a escravidão.




resposta:[B]

origem:Ufsm
tópico:
Brasil

sub-grupo:Descobrimento do Brasil

pergunta:"Esta terra, Senhor, é muito chã e muito formosa. Nela não podemos saber se haja ouro, nem prata, nem coisa alguma de metal; porém, a terra em si é de muitos bons ares (...) querendo aproveitar dar-se-á nela tudo (...)". Esse trecho é parte da carta que Pero Vaz de Caminha escreveu, em 1500, ao rei de Portugal, com informações sobre o Brasil. Com base no texto, é correto afirmar:
a) Havia a intenção de colonizar imediatamente a terra, retirando os bens exportáveis para atender o mercado internacional.
b) Iniciava-se o processo de ocupação da terra, circunscrito aos limites do mercantilismo industrial e colonial.
c) Desde o princípio, os portugueses procuraram escravizar os povos indígenas a fim de encontrarem os metais preciosos.
d) Estava evidente o interesse em explorar a terra nos moldes do mercantilismo.
e) Era preponderante a intenção de estabelecer a agricultura com o trabalho livre e familiar no Brasil.




resposta:[D]