Banco de dados de questões sobre Renascimento
questões de vestibulares
|

 

Questões Renascimento

REF. Pergunta/Resposta
origem:
tópico:
Historia

sub-grupo:Renascimento

pergunta:Leia o texto escrito por Marsílio Ficino no século XV: Quem poderia negar que o homem possui quase o mesmo gênio que o Autor dos céus? E quem pode negar que o homem também poderia de algum modo criar os céus, obtivesse ele os instrumentos e o material celeste, pois até agora o faz, se bem que com um material diferente mas ainda segundo uma mesma ordem? (HELLER, Agnes. "O homem do Renascimento". Lisboa: Presença, 1982.) Explique uma característica da civilização do Renascimento evidenciada no texto.



resposta:

origem:Fgv
tópico:
Historia

sub-grupo:Renascimento

pergunta:"Nunca uma civilização dera tão grande lugar à pintura e à música, nem erguera ao céu tão altas cúpulas, nem elevara ao nível da alta literatura tantas línguas nacionais encerradas em tão exíguo espaço. Nunca no passado da humanidade tinham surgido tantas invenções em tão pouco tempo. Pois o Renascimento foi, especialmente, progresso técnico; deu ao homem do Ocidente maior domínio sobre um mundo mais bem conhecido. Ensinou-lhe a atravessar os oceanos, a fabricar ferro fundido, a servir-se das armas de fogo, a contar as horas com um motor, a imprimir, a utilizar dia a dia a letra de câmbio e o seguro marítimo". (DELUMEAU, Jean, "A Civilização do Renascimento", vol. 1, p. 23.) A respeito do Renascimento é CORRETO afirmar:
a) O termo foi criado no século XVI por Giorgio Vasari e transmite uma visão depreciativa da cultura clássica e valorativa da cultura medieval.
b) As alterações culturais experimentadas durante o Renascimento limitaram-se a questões estéticas, completamente divorciadas das transformações sociais, políticas, religiosas e econômicas do período.
c) Cenas do Antigo Testamento, episódios da vida de Jesus, retratos de santos e mártires compunham os principais temas da arte renascentista, evidenciando uma perspectiva teocêntrica de valorização do sagrado.
d) A propagação da cultura renascentista esteve articulada ao impulso das atividades mercantis e ao desenvolvimento da imprensa, que possibilitou a difusão em maior escala das obras literárias.
e) O Renascimento desenvolveu-se após a expansão industrial européia e motivou uma atitude nostálgica com relação aos paraísos tropicais que passaram a ser retratados nas obras literárias, nas pinturas e nas composições musicais.




resposta:[D]

origem:Puc
tópico:
Historia

sub-grupo:Renascimento

pergunta:Observe os detalhes da pintura.

"A Madona do Prado", de Giovanni Bellini. (Wendy Beckett. "História da Pintura". Tradução. São Paulo: Ática, 1997. p. 108) A pintura renascentista expressa elementos do contexto histórico na qual é produzida. A partir da pintura e do conhecimento histórico, pode-se afirmar que na renascença
a) os pintores analisam e retratam o mundo de acordo com imagem do próprio homem.
b) os artistas mostram o seu desprezo pelos clérigos e pelos princípios da Igreja Cristã.
c) as pinturas enfatizam demasiadamente os aspectos da vida coletiva, desprezando o individualismo.
d) os pintores têm os mesmos padrões estéticos e filosóficos, o que impede a criatividade.
e) as obras de arte adquirem um caráter popular, sendo adquiridas sobretudo pelos servos.



resposta:[A]

origem:Puc
tópico:
Historia

sub-grupo:Renascimento

pergunta:O Renascimento teve início na Península Itálica, em uma época na qual ali já havia uma economia próspera, geradora de excedentes que puderam ser investidos na cultura. Analise as afirmações seguintes sobre o Renascimento e alguns de seus personagens. I - Os renascentistas opunham-se ao misticismo, ao teocentrismo e ao geocentrismo. II - Enquanto Copérnico afirmava que os planetas giravam ao redor do Sol, William Harvey e Miguel Servet promoviam o avanço da Matemática, com a demonstração de vários teoremas. III - Miguel Ângelo, gênio da escultura, foi também pintor, tendo decorado o teto da Capela Sistina no Vaticano. Das suas esculturas destacam-se as obras "Moisés", "Pietá" e "Davi". IV - Sandro Botticelli, com "Alegoria da Primavera", e Ludovico Ariosto, com "Orlando Furioso", foram pintores que com estas obras enriqueceram a tradição pictórica italiana. Estão corretas:
a) apenas II e III
b) apenas I e III
c) apenas II e IV
d) I, III e IV
e) apenas I e IV




resposta:[B]

origem:Puc
tópico:
Historia

sub-grupo:Renascimento

pergunta:(...) Outras coisas que viu, mui numerosas, Pedem tempo que o verso meu não dura, Pois lá encontrou, guardadas e copiosas, Mil coisas de que andamos à procura. Só de loucura não viu muito ou pouco Que ela não sai de nosso mundo louco. Mostrou-se-lhe também o que era seu, O tempo e as muitas obras que perdia, (...) Viu mais o que ninguém suplica ao céu, Pois todos cremos tê-lo em demasia: Digo o siso, montanha ali mais alta Que as erguidas do mais que aqui nos falta. (ARIOSTO, Ludovico. "Orlando Furioso". São Paulo: Atelier, 2002. p. 261. O trecho acima, de um livro de 1516, narra parte de uma viagem imaginária à Lua. Lá, o personagem encontra o que não há na Terra e não encontra o que aqui há em excesso. Pode-se identificar o caráter humanista do texto na
a) certeza, de origem cristã, de que a reza (suplicar ao céu) é a única forma de se obter o que se busca.
b) constatação da pouca razão (siso) e da grande loucura existente entre os homens.
c) aceitação da limitada capacidade humana de fazer poesia (o verso meu não dura).
d) percepção do desleixo e da indiferença humanos (o tempo e as muitas obras que perdia).
e) ambição dos homens em sua busca de bens (Mil coisas de que andamos à procura).




resposta:[B]

origem:Ufv
tópico:
Historia

sub-grupo:Renascimento

pergunta:O termo Renascimento tem origem nos textos evangélicos de São João e São Paulo, significando a idéia do segundo nascimento, o nascimento do homem novo ou o renascimento espiritual do homem para Deus. Na Idade Média, este sentido permaneceu indicando a volta do homem a Deus. No entanto, quando utilizado para descrever o processo que teve início na Itália e se propagou pela Europa Ocidental, no final século XIV, adquiriu outros significados, tais como: I - a renovação das concepções políticas do Estado e o resgate da idéia das origens naturais das instituições humanas. II - a reprovação a todo e qualquer movimento de renovação religiosa que pregasse o retorno às fontes originais do cristianismo. III - a reafirmação das concepções filosóficas humanistas, entre elas a valorização da cultura da Antigüidade Clássica. IV - a difusão do naturalismo e do interesse pela investigação empírica da Natureza. V - a crítica ao preceito do caráter divino do poder terreno e a adoção da prática de interferência do papado na política. Dos significados adquiridos pelo termo Renascimento, são CORRETOS:
a) II, IV e V.
b) I, II e V.
c) II, III e IV.
d) I, II e III.
e) I, III e IV.




resposta:[E]

origem:
tópico:
Historia

sub-grupo:Renascimento

pergunta:Em 1516 foi publicado o livro "Utopia", do humanista inglês Thomas More. A respeito das idéias humanistas, é correto afirmar:
(01) More defendia a sociedade aristocrática inglesa; seu livro foi um elogio às elites e ao estilo de vida dos nobres, sendo a ilha Utopia uma representação da Inglaterra.
(02) Os humanistas ingleses e dos Países Baixos escreveram críticas impiedosas à sociedade e aos vícios humanos, aos homens da Igreja e aos maus governantes, como se pode ler, por exemplo, no livro "O Elogio da Loucura", de Erasmo.
(04) Uma das principais características do pensamento humanista é a crença na ligação entre conhecimento e governo justo. Isso explica a divulgação de obras de aconselhamento dos príncipes e de obras voltadas para a crítica social.
(08) Um elemento importante na formulação do pensamento humanista foi a defesa do bem público. (16) Para os humanistas cristãos, a república perfeita era a república cristã fundada nas virtudes do povo e do príncipe. Soma ( )




resposta:02 + 04 + 08 + 16 = 30

origem:
tópico:
Historia

sub-grupo:Renascimento

pergunta:"Quando reconsidero ou observo os Estados florescentes, não vejo neles, Deus me perdoe, senão uma espécie de conspiração dos ricos para cuidar de seus interesses pessoais". (MORUS, Tomás. "A Utopia". Porto Alegre, L&PM, 1997 p.163) Este trecho do livro Utopia, de Tomás Morus, publicado em 1516, no qual o autor descreve um lugar imaginário sem propriedade privada nem dinheiro, onde prevalece a preocupação com a felicidade coletiva, deve ser atribuído ao seguinte movimento:
a) ao Renascimento, movimento de renovação cultural que se preocupava com o homem e sua organização social.
b) ao anarquismo, que pregava a destruição do Estado.
c) ao Iluminismo, que propunha a divisão dos três poderes: legislativo, executivo e judiciário.
d) ao socialismo, que propunha a tomada do poder pelo proletariado.
e) à Reforma Protestante, que questionava o poder da Igreja de Roma de interferir nas políticas nacionais.




resposta:[A]

origem:
tópico:
Historia

sub-grupo:Renascimento

pergunta:Leonardo da Vinci (1452-1519) é um representante do homem moderno renascentista. Empenhou-se em conhecer leis que regem a natureza e em transformar conhecimento em técnica. Foi um cientista e um artista. Sobre a arte renascentista, é correto afirmar que: 1) a utilização da técnica de aquarela, na pintura, foi dominante em toda a Itália e proporcionou uma melhor compreensão do mundo. 2) foi valorizada pela burguesia; entretanto, não adquiriu prestígio social. 3) foram experimentados novos materiais, como a tinta a óleo, e a pintura sobre telas, em substituição à pintura mural, e a utilização de novas técnicas, como a perspectiva. 4) teve suas primeiras manifestações no norte da Itália, com Giotto. 5) abordou temas como a dignidade, a individualidade e a racionalidade do homem. Estão corretas apenas:
a) 1, 2 e 4
b) 2, 3 e 5
c) 1, 4 e 5
d) 3, 4 e 5
e) 2, 3 e 4




resposta:[D]

origem:
tópico:
Historia

sub-grupo:Renascimento

pergunta:Sobre a literatura no início da era Moderna, é incorreto dizer que:
a) Os humanistas só aceitavam escrever em latim, recusando o uso de outras línguas para seus textos.
b) A tradução da Bíblia para outras línguas facilitou o processo de alfabetização em diversas áreas da Europa.
c) Dante, Petrarca e Boccacio, ao escreverem no dialeto toscano, contribuíram para a formação da língua italiana.
d) A invenção da imprensa foi fundamental para a expansão das idéias dos reformadores protestantes.
e) As novelas de cavalaria medievais foram satirizadas por Miguel de Cervantes em sua obra "Dom Quixote".




resposta:[A]

origem:Ufrrj
tópico:
Historia

sub-grupo:Renascimento

pergunta:Leia o texto abaixo, sobre a humanidade. "A preocupação de Kepler é principalmente uma: ele pretende demonstrar não só que este sistema de planetas, num dos quais nos encontramos nós homens, acha-se no lugar principal do Universo, ao redor do coração do Universo que é o Sol, mas também, em particular, que nós homens nos encontramos naquele globo que se destina inteiramente à criatura racional mais importante e mais nobre entre as corpóreas". ROSSI, Paolo. "A Ciência e a Filosofia dos Modernos: Aspectos da Revolução Científica". São Paulo: EDUSP, 1992. p. 235-6. No trecho acima, o autor Paolo Rossi tem como objeto de estudo a chamada Revolução Científica do século XVII, que mudou significativamente a estrutura do pensamento humano por meio de várias inovações, tanto no campo tecnológico quanto no campo filosófico. Sobre esse movimento, pode-se afirmar que
a) na época, devido ao desinteresse da sociedade, não havia incentivo à pesquisa científica.
b) Galileu Galilei, quando afirmou que os planetas, incluindo a terra, giravam em torno do sol, recebeu apoio de diversos segmentos da sociedade, como a Igreja.
c) em pensadores como Bacon, Newton e Kepler, percebe-se uma tendência acentuada ao aristotelismo e à escolástica medieval, que se baseia na observação máxima da natureza.
d) uma de suas preocupações foi a criação de métodos de explicação racional dos fenômenos da natureza.
e) uma das teses derrubadas na revolução científica foi o heliocentrismo, que colocava a terra e o homem no centro do universo.




resposta:[D]

origem:Uel
tópico:
Historia

sub-grupo:Renascimento

pergunta:O Renascimento, amplo movimento artístico, literário e científico, expandiu-se da Península Itálica por quase toda a Europa, provocando transformações na sociedade. Sobre o tema, é correto afirmar:
a) O racionalismo renascentista reforçou o princípio da autoridade da ciência teológica e da tradição medieval.
b) Houve o resgate, pelos intelectuais renascentistas, dos ideais medievais ligados aos dogmas do catolicismo, sobretudo da concepção teocêntrica de mundo.
c) Nesse período, reafirmou-se a idéia de homem cidadão, que terminou por enfraquecer os sentimentos de identidade nacional e cultural, os quais contribuíram para o fim das monarquias absolutas.
d) O humanismo pregou a determinação das ações humanas pelo divino e negou que o homem tivesse a capacidade de agir sobre o mundo, transformando-o de acordo com sua vontade e interesse.
e) Os estudiosos do período buscaram apoio na observação, no método experimental e na reflexão racional, valorizando a natureza e o ser humano.




resposta:[E]