Questões de Literatura - Perguntas e Respostas Comentadas - Exercícios
questões de vestibulares
|
 

Questões Literatura

REF. Perguntas / Respostas
vestibular Fuvest1994
tópico:Literatura

sub-grupo:Modernismo
pergunta:"Será que eu enriqueceria este relato se usasse alguns difíceis termos técnicos? Mas aí que está: esta história não tem nenhuma técnica, nem de estilo, ela é ao deus-dará. Eu que também não mancharia por nada deste mundo com palavras brilhantes e falsas uma vida parca como a da datilógrafa."
(CLARICE LISPECTOR, "A Hora da Estrela")

Em "A Hora da Estrela", o narrador questiona-se quanto ao modo e, até, à possibilidade de narrar a história. De acordo com o trecho acima, isso deriva do fato de ser ele um narrador
a) iniciante, que não domina as técnicas necessárias ao relato literário.
b) pós-moderno, para quem as preocupações de estilo são ultrapassadas.
c) impessoal, que aspira a um grau de objetividade máxima no relato.
d) objetivista, que se preocupa apenas com a precisão técnica do relato.
e) autocrítico, que percebe a inadequação de um estilo sofisticado para narrar a vida popular.



resposta:[E]

vestibular Fuvest1994
tópico:Literatura

sub-grupo:Realismo/Naturalismo/Parnasianismo
pergunta:Ao criticar "O Primo Basílio", Machado de Assis afirmou: "(...) a Luísa é um caráter negativo, e no meio da ação ideada pelo autor, é antes um títere que uma pessoa moral."
Títere é um boneco mecânico, acionado por cordéis controlados por um manipulador. Nesse sentido, as personagens que, principalmente, manipulam Luísa, determinando-lhe o modo de agir, são:
a) Basílio e Juliana.
b) Jorge e Justina.
c) Jorge, Conselheiro Acácio e Juliana.
d) Basílio, Leopoldina e Conselheiro Acácio.
e) Jorge e Leopoldina.



resposta:[A]

vestibular Fuvest1994
tópico:Literatura

sub-grupo:Modernismo
pergunta:Em determinada época, o romance brasileiro "procurou (...) enraizar fortemente as suas histórias e os seus personagens em espaços e tempos bem circunscritos, extraindo de situações culturais típicas a sua visão do Brasil."
( Alfredo Bosi )

Esta afirmação aplica-se a
a) Vidas Secas e Fogo Morto.
b) Macunaíma e A Hora da Estrela.
c) A Hora da Estrela e Serafim Ponte Grande.
d) Fogo Morto e Serafim Ponte Grande.
e) Vidas Secas e Macunaíma.



resposta:[A]

vestibular Fuvest1994
tópico:Literatura

sub-grupo:Modernismo
pergunta:O ÚLTIMO POEMA
Assim eu quereria o meu último poema
Que fosse terno dizendo as coisas mais simples
[ e menos intencionais
Que fosse ardente como um soluço sem lágrimas
Que tivesse a beleza das flores quase sem perfume
A pureza da chama em que se consomem os
[ diamantes mais límpidos
A paixão dos suicidas que se matam sem
[ explicação.
(MANUEL BANDEIRA, 'Libertinagem')

Neste texto, ao indicar as qualidades que deseja para o "último poema", o poeta retoma dois temas centrais de sua poesia. Um deles é a valorização da simplicidade; o outro é:
a) a verificação da inutilidade da poesia diante da morte.
b) a coincidência da morte com o máximo de intensidade vital.
c) a capacidade, própria da poesia, de eliminar a dor.
d) a autodestruição da poesia em um meio hostil à arte.
e) a aspiração a uma poesia pura e lapidar, afastada da vida.



resposta:[B]

vestibular Fuvest1994
tópico:Literatura

sub-grupo:Modernismo
pergunta:Madrigal tão engraçadinho
Teresa, você é a coisa mais bonita que eu vi até hoje na minha vida, inclusive o porquinho-da-índia que me deram quando eu tinha seis anos.

Esse poema, de 'Libertinagem', de Manuel Bandeira, contém os títulos de outros dois poemas famosos do mesmo livro.
a) Quais são eles?
b) Qual é o tema comum aos três textos?



resposta:a) "Teresa" e "Porquinho-da-Índia".

b) O deslumbramento diante das suas experiências afetivas.

vestibular Fuvest1994
tópico:Literatura

sub-grupo:Pré-modernismo
pergunta:No capítulo "O Boqueirão", de TRISTE FIM DE POLICARPO QUARESMA, a personagem principal vive uma experiência decisiva, que faz mudar radicalmente seu ponto de vista quanto ao processo de consolidação do regime republicano no Brasil.
a) Descreva essa mudança de ponto de vista pelo qual passou Quaresma.
b) Aponte, no capítulo citado, a experiência decisiva que determinou essa mudança e identifique o que tal experiência veio revelar à personagem.



resposta:a) Quaresma discorda dos excessos repressivos do regime de Floriano.

b) O seu ferimento em batalha revelou-lhe a inutilidade do seu idealismo diante dos mesquinhos jogos políticos.

vestibular Fuvest1994
tópico:Literatura

sub-grupo:Realismo/Naturalismo/Parnasianismo
pergunta:Luísa espreguiçou-se. Que seca ter de se ir vestir! Desejaria estar numa banheira de mármore cor-de-rosa, em água tépida, perfumada e adormecer! Ou numa rede de seda, com as janelinhas cerradas, embalar-se, ouvindo música!(...)
Tornou a espreguiçar-se. E saltando na ponta do pé descalço, foi buscar ao aparador por detrás de uma compota um livro um pouco enxovalhado, veio estender-se na "voltaire", quase deitada, e, com o gesto acariciador e amoroso dos dedos sobre a orelha, começou a ler, toda interessada.
Era a "Dama das Camélias". Lia muitos romances; tinha uma assinatura, na Baixa, ao mês.

Nesse excerto, o narrador de "O primo Basílio" apresenta duas características da educação da personagem Luísa que serão objeto de crítica ao longo do romance.
a) Quais são essas características?
b) Explique de que modo elas contribuem para o destino da personagem.



resposta:a) Passividade indolente e gosto pela literatura romântica.

b) O mundo de sonhos dos românticos, cheio de aventuras, incentiva Luísa a cometer adultério e sua indolência afronta Juliana, que a chantageia.

vestibular Fuvest1994
tópico:Literatura

sub-grupo:Contemporânea
pergunta:Em "A Hora da Estrela", o narrador apresenta a seguinte reflexão: "Pois na hora da morte a pessoa se torna brilhante estrela de cinema, é o instante de glória de cada um e é quando como no canto coral se ouvem agudos sibilantes."
Com base nela, explique:
a) Por que o romance tem o título de "A Hora da Estrela"?
b) Por que é irônica a relação entre o título e a história de Macabéa?



resposta:a) Porque narra uma história cujo clímax é a morte de Macabéa.

b) A história de Macabéa é narrada pela falta de brilho, pela pequenez, sendo portanto o oposto do glamour indicado no título.

vestibular Fuvest1994
tópico:Literatura

sub-grupo:Pré-modernismo
pergunta:"O seu último truque intelectual era este do clássico. (...) O processo era simples: escrevia de modo comum, com as palavras e o jeito de hoje, em seguida invertia as orações, picava o período com vírgulas e substituía incomodar por molestar, ao redor por derredor, isto por esto, quão grande ou tão grande por quamanho, sarapintava tudo de ao invés, empós, e assim obtinha o seu estilo clássico que começava a causar admiração aos seus pares e ao público geral."

a) O fato de Armando Borges escrever em "estilo clássico" reforça a caracterização da personagem. Por quê? Justifique sua resposta.
b) De que maneira esse "estilo clássico" se contrapõe à linguagem do romance "Triste fim de Policarpo Quaresma"?



resposta:a) Porque ele é mau-caráter, vive de enganar os outros, apropriando-se de artigos médicos alheios.

b) O romance tem uma linguagem coloquial, que se afasta da erudição pedante da personagem.

vestibular Fuvest1994
tópico:Literatura

sub-grupo:Contemporânea
pergunta:I. "(Fabiano) ouvira falar em juros e prazos. Isso lhe dera uma impressão bastante penosa: sempre que os homens sabidos lhe diziam palavras difíceis, ele saía logrado. Sobressaltava-se escutando-as. Evidentemente só serviam para encobrir ladroeiras. Mas eram bonitas. Às vezes decorava algumas e empregava-as fora de propósito. Depois esquecia-as. Para que um pobre da laia dele usar conversa de gente rica?"

II. "Havia coisas que (Macabéa) não sabia o que significavam. Uma era "efeméride". E não é que seu Raimundo só mandava copiar com sua letra linda a palavra efemérides ou efeméricas? Achava o termo efemérides absolutamente misterioso. Quando o copiava prestava atenção a cada letra. (...) Enquanto isso a mocinha se apaixonara pela palavra efemérides."

O tema comum aos dois textos é a relação das personagens com a linguagem culta. Desse ponto de vista, explique:
a) Em que Fabiano e Macabéa se assemelham?
b) Em que se distinguem um do outro?



resposta:a) Os dois desconhecem o falar culto.

b) Enquanto Macabéa admirava servilmente a linguagem culta, Fabiano tinha desconfiança dela.

vestibular Fuvest1994
tópico:Literatura

sub-grupo:Contemporânea
pergunta:"Talvez a nordestina já tivesse chegado à conclusão de que a vida incomoda bastante, alma que não cabe bem no corpo, mesmo alma rala como a sua. Imaginavazinha, toda supersticiosa, que se por acaso viesse alguma vez a sentir um gosto bem bom de viver-se desencantaria de súbito de princesa que era e se transformaria em bicho rasteiro."

a) Descreva o recurso poético utilizado pela autora em 'imaginavazinha', forma que escapa à gramática da língua.
b) Justifique o uso de 'imaginavazinha', utilizando dados do contexto em que se acha e considerando também a posição do narrador em relação à personagem central, em "A Hora da Estrela".



resposta:a) Utilizou-se um sufixo nominal de diminutivo numa forma verbal, indicando afetividade.

b) O recurso acentua a idéia de fragilidade e pequenez da personagem, e a empatia do narrador em relação a ela.

vestibular Unicamp1994
tópico:Literatura

sub-grupo:Contemporânea
pergunta:No romance PERTO DO CORAÇÃO SELVAGEM, o capítulo intitulado "Lídia" narra o encontro entre Joana e Lídia.
a) O que ocorre neste encontro?
b) Explicite três conseqüências deste encontro na vida de Joana.



resposta:a) Lídia diz estar grávida de Otávio (marido de Joana), afirma saber quanto é firme a maldade de Joana. Diz, também, que Otávio não gosta de Joana e ela (Lídia) também não.

b) Joana decide que também pode ter um filho e Lídia propõe a devolução de Otávio para que Joana tenha seu filho. Joana acha isso monstruoso, mas Lídia explica que pode não ser e que é bom estar grávida. Joana pensa em si carregando, amamentando o filho e com sua humildade, estará mais perto de Deus.

 


Próxima Página »

Página 1 de 204