Banco de dados de questões do vestibular
questões de vestibulares
|
 

Questões Ufc

REF. Pergunta/Resposta
origem:Ufc-1999
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:Uma mulher com a idade de 40 anos está grávida do primeiro filho. Ela sabe que, devido à sua idade, o bebê tem maior probabilidade de ser portador de alguma anomalia cromossômica. A cariotipagem pré-natal é o exame mais indicado para esclarecer estas dúvidas na fase uterina.

Pergunta-se:

a) Em que consiste este exame?

b) Que exemplos de anomalias cromossômicas podem ser detectadas através deste exame (cite dois exemplos).

resposta:a) Cariotipagem consiste na análise numérica e estrutural dos cromossomos. É realizado pelo estudo dos cromossomos de células presentes no líquido amniótico a partir da 16 semana de gestação.

b) O exame em questão pode diagnosticar com segurança várias anomalias tais como as síndromes de Down, Turner, Klinefelter, Edwards, Patau, etc., além de malformações congênitas como micro, macrocefalia e anencefalia.

origem:Ufc-1999
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:Assinale a opção que se refere à principal contribuição de Charles Darwin à teoria da evolução.
a) A seleção natural atua como a principal força criadora das mudanças evolutivas.
b) Existe em todos os organismos um impulso interior para a perfeição.
c) A vida é gerada contínua e espontaneamente de forma muito simples.
d) Todos os organismos têm capacidade de adaptar-se ao ambiente.
e) Os caracteres adquiridos transformam-se em hereditários.

resposta:[A]

origem:Ufc-1999
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:Leia os versos a seguir e responda o que se pergunta:

"Luz do sol,
Que a folha traga e traduz,
Em verde novo,
Em folha, em graça, em vida,
Em força, em luz".
Caetano Veloso

a) A qual processo metabólico das plantas o poeta está se referindo?

b) Que estruturas e moléculas orgânicas devem estar presentes nas células desses organismos e que são indispensáveis para realizar este processo?

c) Qual é a equação geral deste processo e que comparação pode-se fazer com a equação geral da respiração celular aeróbica?

d) Que diferença ocorre com este processo, quando o mesmo é realizado pelas sulfobactérias, microorganismos que vivem em ambientes anaeróbios?

e) Se você tivesse que escolher entre duas lâmpadas, uma azul e outra verde, para iluminar as plantas de um aquário, qual seria a escolha correta, objetivando-se uma maior eficiência do processo cujo nome é solicitado no item A desta questão? Por quê?

resposta:a) Fotossíntese.

b) Cloroplastos, clorofilas, luz, CO‚, H‚O, enzimas.

c)

6CO‚+12H‚O+Luz+ClorofilaëC†H‚O†+6H‚O+6O‚.

A fotossíntese é o fenômeno inverso à respiração aeróbia.

d) Na quimiossíntese realizada pelas sulfobactérias a substância doadora de hidrogênios é o H‚S em vez da H‚O.

e) A eficiência do processo fotossintético é maior se o vegetal for iluminado com luz azul. Neste comprimento de onda ocorre maior conversão de energia luminosa em energia química pelas clorofilas envolvidas no processo.

origem:Ufc-1999
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:Em um experimento, o pesquisador submeteu uma determinada planta, com fotoperíodo crítico de 12 horas, a três tratamentos que diferiam com relação ao fornecimento de luz, e obteve os seguintes resultados quanto à floração:

I) 14 horas de luz e 10 horas de escuro ë Não floresceu

II) 10 horas de luz e 14 horas de escuro ë Floresceu

III) 10 horas de luz, 4 horas de escuro, flash de luz e mais 10 horas de escuro ë Não floresceu.

Pergunta-se:

a) Que classificação devemos dar a esta planta em relação ao fotoperiodismo (que controla a floração)?

b) Por que o tratamento III inibiu a floração?

c) Qual o nome, a natureza química e a provável localização, na célula, da substância envolvida na percepção do período de exposição à luz (ou escuro)?

Num segundo experimento, foram removidas as folhas da metade superior de plantas da mesma espécie. Estas plantas foram subdivididas em 2 (dois) lotes, sendo cada lote submetido a um tratamento diferente, segundo o quadro abaixo.

Lote: 1
1 - Tratamento: As folhas da metade inferior da planta foram expostas a 10 horas de luz e 14 de escuro, e as da metade superior (sem folhas) foram expostas a 14 horas de luz e 10 de escuro.
Resposta: Surgiram flores em todos os ápices caulinares das plantas.

Lote: 2
2 - Tratamento: As folhas da metade inferior da planta foram expostas a 14 horas de luz e 10 de escuro, e as da metade superior (sem folhas) foram expostas a 10 horas de luz e 14 de escuro.
Resposta: As plantas não floresceram.

Com base no experimento acima, pergunta-se:

d) Que órgão da planta foi o responsável pela percepção do estímulo para a floração?

e) Como se explica o surgimento de flores em todos os ápices caulinares das plantas do lote 1?

resposta:a) Planta de dia curto.

b) Plantas de dia curto necessitam, para a floração, de um período de escuro contínuo.

c) O fitocromo, proteína de cor azul-esverdeada, localizado nas membranas e no citoplasma das células das folhas.

d) Folhas.

e) O florígeno, hormônio relacionada à floração, é translocado para as regiões desfolhadas onde induz a floração.

origem:Ufc-1999
tópico:
Genética

sub-grupo:Clonagem

pergunta:A figura a seguir (Folha de São Paulo, 6/8/98) baseia-se no livro Remaking Eden (Refazendo o Éden) de Lee Silver, o qual afirma que cenas como estas não só são possíveis, como inevitáveis.




Admitindo-se a possibilidade de clonar seres humanos e com base no que tem sido publicado nos principais jornais e revistas do País, responda:

a) Como o bebê da figura acima poderia ter sido gerado?

b) Qual seria o sexo do bebê gerado por esse processo? Justifique sua resposta.

resposta:a) A mãe biológica (A) doou células somáticas das quais foram retirados os núcleos diplóides. Outra mulher (B) doou óvulos. Feita a transferência do núcleo diplóide (A) para o óvulo (B) previamente enucleado, o embrião gerado "in vitro" é implantado no útero da "mãe de aluguel". Após o período normal de gestação, nascerá um clone com as mesmas características genéticas da mulher A.

b) O clone seria, necessariamente, do sexo feminino já que o núcleo diplóide que lhe deu origem é proveniente de uma mulher, portadora de dois cromossomos sexuais X.

origem:Ufc-1999
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:Leia com atenção o texto a seguir.

Na espécie humana, "... o encontro de um espermatozóide com um óvulo desencadeia uma gigantesca série de reações, centenas de milhares que se seguem, sobrepõem-se, cruzam-se em uma rede de espantosa complexidade. Tudo para chegar, quaisquer que sejam as condições, à aparição de um bebê humano e nunca de um patinho, uma girafinha ou uma borboletinha. O impressionante é que, terminada a fecundação, a primeira célula, o ovo fecundado, começa a dividir-se. Dá duas células. Depois quatro. Depois oito. Depois um cachinho de células. Que esse cacho grude na parede do útero, que ele se alongue, cresça e, alguns meses mais tarde, forme um bebê com, em mais de noventa e cinco por cento dos casos, tudo de que precisa para viver, percorrer o mundo e até pensar, eis o milagre. Eis o fenômeno mais estupendo que se desenrola neste mundo. Tão estupendo que deveria ser admiração para a terra inteira. Que os homens deviam passar o tempo perguntando-se sobre os mecanismos subjacentes a tal maravilha."
(François Jacob, O RATO, A MOSCA E O HOMEM. Companhia das Letras, 1998)

Atendendo à sugestão de François Jacob, prêmio Nobel de Fisiologia e Medicina de 1965, contida no último período do texto:

a) Diga a que etapa da ontogênese se refere o trecho "(...) O impressionante é que, terminada a fecundação, a primeira célula, o ovo fecundado, começa a dividir-se. Dá duas células. Depois quatro. Depois oito. Depois um cachinho de células. Que esse cacho grude na parede do útero, que ele se alongue, cresça e, alguns meses mais tarde ..."?

b) Diga que nome se dá ao "cachinho de células" de que o autor nos fala no texto?

c) Preencha o quadro a seguir com um tecido e um órgão que se originam no adulto a partir dos folhetos embrionários (ectoderma, mesoderma e endoderma).

resposta:a) Embriogênese, ou seja, segmentação ou clivagem da célula ovo ou zigoto, gastrulação e organogênese.

b) Mórula.

c) Ectoderme: epiderme a anexos, sistema nervoso (encéfalo, medula espinhal, nervos e gânglios nervosos)
Mesoderme: derme, ossos, músculos, sistema circulatório e aparelho urogenital.
Endoderme: revestimento interno do aparelho digestivo e respiratório, fígado e pâncreas.

origem:Ufc-1999
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:"Em 1997, no município de Monte Alto, noroeste de São Paulo, foram encontrados fósseis de uma espécie ainda desconhecida de dinossauros, pertencente à família dos titanossauros, que viveu há 85 milhões de anos. A diferença entre o dinossauro de Monte Alto e as três dezenas de titanossauros já identificadas está na forma das vértebras do animal, nunca antes vista. Além disso, os pesquisadores já constataram que o novo titanossauro, um adulto em seus 15 metros de comprimento e 15 toneladas, era menor e mais leve do que os espécimes encontrados na Argentina, que chegavam a medir 25 metros e a pesar 25 toneladas. Segundo Reinaldo Bertini, professor da Universidade Estadual Paulista (Unesp), isso mostra que os dinossauros dessa região do Brasil provavelmente evoluíram de maneira distinta dos de outras áreas da América do Sul ."
(Revista VEJA, 12 de agosto de 1998)

De acordo com a teoria darwinista, os dinossauros de Monte Alto e da Argentina tiveram um ancestral comum. Para os neodarwinistas, mecanismos evolutivos de VARIAÇÃO, DIREÇÃO e ESPECIAÇÃO atuaram sobre os dois grupos, levando-os a caminhos evolutivos distintos.

Com base no exposto acima:

a) Cite dois mecanismos responsáveis pelo surgimento de VARIAÇÕES nos dois grupos de dinossauros (do Brasil e da Argentina).

b) Cite o mecanismo evolutivo que DIRECIONOU a formação distinta dos dois grupos.

c) Cite o mecanismo responsável pela especiação.

resposta:a) VARIAÇÕES hereditárias são resultantes de mutações, recombinações gênicas, combinações cromossômicas na gametogênese e na fecundação.

b) A SELEÇÃO NATURAL e a DERIVA GENÉTICA (ACASO) direcionaram a formação distinta dos dois grupos em ambientes diferentes.

c) A ESPECIAÇÃO é conseqüência da seleção diferenciada a partir de uma população ancestral. Seus componentes, através de migrações, se isolaram geograficamente e, após muitas gerações, foram fixadas novas variações que resultaram em isolamento reprodutivo.

origem:Ufc-1999
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:O daltonismo (cegueira para as cores) se deve a uma mutação recessiva ligada ao sexo, isto é, localizada na parte não homóloga do cromossomo X. Sendo assim, podemos representar genótipos e fenótipos de homens e mulheres como no quadro a seguir.

Homens: XDY - Visão normal
XdY - Daltônico

Mulheres: XDXD - Visão normal
XDXd - Visão normal
XdXd - Daltônica

Na figura a seguir, os símbolos sombreados representam indivíduos daltônicos em um dos ramos da família Abreu, de Maranguape.




Analisando a figura, tendo em vista as informações e usando os símbolos dados, no quadro anterior, para representar os genes, responda:

a) Quais os genótipos dos indivíduos II.1, III.7, IV.2 e IV.9?

b) Qual a probabilidade de, nascendo uma criança de III.9 e III.10, ela ser do sexo masculino e daltônico? Justifique sua resposta.

c) Quais todos os genótipos prováveis para os descendentes (filhos e filhas) de um possível casamento entre IV.2 e IV.9? Justifique sua resposta.

resposta:a) II.1 - XDXd

III.7 - XDX _

IV.2 - XDXd

IV.9 - XdY

b) P (sexo masculino) = 1/2
P (mãe XDXd) = 1/2
P (criança XdY) = 1/2

³ P = 1/2 × 1/2 × 1/2 = 1/8

c) XDXd × XdY
¦
25% XDXd - mulher normal portadora
25% XdXd - mulher daltônica
25% XDY - homem normal
25% XdY - homem daltônico

origem:Ufc-1999
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:A Doença de Chagas continua causando muitas mortes no Brasil e em países pobres do mundo. O texto a seguir sobre esta doença é hipotético. Leia-o com atenção.

"Um paciente residente na periferia de Fortaleza procurou o posto médico, queixando-se, entre outras coisas, de febre, anemia, cansaço e hipertrofia ganglionar. Após os exames clínico e laboratorial, diagnosticou-se, corretamente, que ele estava com a Doença de Chagas. Ao tomar conhecimento do caso, um professor resolveu discutir o caso com seus alunos, solicitando que eles opinassem sobre que medidas deveriam ser tomadas para controlar a propagação da doença. Os alunos apresentaram cinco sugestões."

Dentre as sugestões apresentadas pelos alunos, a única inteiramente correta é:
a) isolamento do paciente, para evitar o contágio com outras pessoas, pois a doença se propaga também pela inalação do ar contaminado;
b) campanha de vacinação em massa, em Fortaleza e por todo o estado do Ceará, para evitar uma epidemia na cidade.
c) aplicação de inseticidas em toda a cidade, para eliminação do Aedes aegypti , inseto transmissor do Trypanosoma cruzi , agente causador da doença;
d) vacinação de cães e eliminação de cães de rua, pois eles são reservatórios naturais de protozoários do grupo Trypanosoma;
e) proteção das portas e janelas com telas, a fim de evitar a entrada do barbeiro, inseto transmissor da doença, nas residências".

resposta:[E]

origem:Ufc-1999
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:Na pastagem existe uma cadeia alimentar na qual o boi alimenta-se de capim, tem seu sangue sugado pelo carrapato que se aloja na superfície de seu corpo e que, por sua vez, serve de alimento a certas aves que pousam sobre os bois. Cite as interações populacionais entre o boi e o capim, entre o boi e o carrapato, entre o carrapato e as aves e entre as aves e o boi.

resposta:Boi × Capim ë predatismo (herbivorismo)
Boi × Carrapato ë parasitismo
Aves × Carrapatos ë predatismo
Aves × Bois ë protocooperação

origem:Ufc-1999
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:Leia com atenção o texto a seguir da autoria de Oparin, 1968:

"Miller, no seu bem conhecido trabalho publicado em 1953, obteve dados fundamentais sobre a formação dos aminoácidos quando uma mistura gasosa, simulando a possível composição da atmosfera primária da Terra, era submetida a descargas elétricas. Miller fez saltar faísca e descargas silenciosas durante uma semana numa mistura de CH„, NH„, H‚ e vapor de água em circulação constante, e encontrou na mistura: glicina, alanina, ácidos ‘ - aminobutírico e ‘ - aminoisobutírico, ’ - alanina, ácidos aspártico e glutâmico, sarcosina e NCNƒ-alanina. Os produtos intermediários da reação foram aldeídos e HCN".

O clássico experimento de Miller veio reforçar a teoria segundo a qual a vida na Terra:
a) foi criada por Deus, exatamente como está descrito no Gênese, primeiro livro da Bíblia.
b) surgiu pelo transporte casual para o nosso planeta de microrganismos completamente organizados provenientes de outros mundos.
c) originou-se pela semeadura intencional de microrganismos por seres inteligentes de outros mundos.
d) iniciou-se pela síntese de monômeros e sua posterior polimerização, seguindo-se o surgimento dos primeiros seres vivos.
e) iniciou-se pela chegada à Terra de compostos orgânicos presentes em meteoritos e cometas.

resposta:[D]

origem:Ufc-1999
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:Pesquisadores da Universidade Federal da Paraíba e da Universidade de Brasília estudaram duas populações de sagüis (soins), denominadas Callithrix jacchus e Callithrix penicillata , com a finalidade de melhor entender os mecanismos de especiação neste grupo taxonômico. Descobriram que as duas populações são morfológica e cariotipicamente diferentes e ocupam extensas e distintas áreas de distribuição no Recôncavo Baiano. Há, no entanto, uma área de contato entre as duas populações, uma faixa de terra com cerca de 50km, onde foram encontrados indivíduos e grupos familiares de híbridos entre elas. Outros pesquisadores relataram que obtiveram, em cativeiro, três gerações férteis de híbridos entre C. jacchus e C. penicillata .

Aplicando-se o CONCEITO BIOLÓGICO DE ESPÉCIE ao estudo anterior, podemos então afirmar corretamente que C. jacchus e C. penicillata :
a) são duas espécies diferentes, pois recebem nomes científicos diferentes.
b) são duas espécies diferentes, pois apresentam diferenças morfológicas e cariotípicas.
c) são duas espécies diferentes, pois estão isoladas em áreas distintas.
d) pertencem à mesma espécie, pois não há isolamento reprodutivo entre as populações.
e) pertencem à mesma espécie, pois não há isolamento geográfico entre as populações.

resposta:[D]

 


anatomia sistema digestorio ou digestivo