Banco de dados de questões do vestibular
questões de vestibulares
|
 

Questões Unicamp

REF. Pergunta/Resposta
origem:Unicamp-1994
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:Após a realização de esforço muscular intenso, a musculatura pode ficar dolorida e enrijecida por alguns dias (fadiga muscular). Isso se deve basicamente ao acúmulo de uma substância nas células musculares submetidas a esforço.
a) Qual é essa substância?
b) Considerando os processos bioquímicos que ocorrem na célula muscular, explique a razão desse acúmulo.

resposta:a) Ácido láctico.
b) Falta de oxigênio, ocorrendo fermentação láctica nos músculos esqueléticos submetidos a esforço.

origem:Unicamp-1994
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:Considere as seguintes características de dois animais vertebrados:

Animal A:
I) corpo coberto por tegumento pouco queratinizado;
II) excreção de amônia;
III) fecundação externa.

Animal B:
I) corpo coberto por tegumento espesso e queratinizado;
II) excreção de ácido úrico;
III) fecundação interna.

Responda:
a) Qual o ambiente mais provável ocupado pelo animal A e pelo animal B?
b) Justifique a existência de duas dessas características nesses ambientes.

resposta:a) Animal A - aquático, animal B - terrestre

b) Animal A - excreção de amônia (muito tóxica precisa ser diluída) e fecundação externa (na água), animal B - pele espessa (evita a desidratação) e excreção de ácido úrico (economia de água).

origem:Unicamp-1994
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:Estão relacionados a seguir cinco ambientes com suas respectivas produções primárias anuais médias. Indique um fator ambiental importante que justifique os valores de produção em cada uma dessas áreas.

I. Regiões abissais - menor que 36 g/m£
II. Deserto - 36 a 183 g/m£
III. Tundra - 183 a 1095 g/m£
IV. Floresta tropical úmida - 1095 a 3650 g/m£
V. Estuários - 3650 a 9125 g/m£

resposta:Nas regiões abissais a ausência de luz limita a produção de matéria orgânica. Nos desertos o fator limitante é a quantidade de água e as amplitudes térmicas observadas. Na tundra a produtividade aumenta devido a maior disponibilidade de luz e água sendo o fator limitante as temperaturas baixas. A produção das florestas tropicais úmidas atinge valores altos devido a grande disponibilidade de água e temperaturas amenas. Nos estuários a produtividade atinge valores mais altos devido a grande disponibilidade de nutrientes.

origem:Unicamp-1994
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:As informações a seguir estão relacionadas a dois mecanismos importantes no ciclo de vida dos vegetais.

I. As sementes de orquídeas flutuam no ar e são carregadas pelo vento.
II. A formação dos frutos de maracujá depende da presença de mamangavas.
III. Os pássaros comem os frutos da goiabeira mas suas sementes não são digeridas e saem nas fezes.
IV. O carrapicho se prende aos pêlos dos animais.
V. Os morcegos visitam as flores que se abrem à noite.

a) Identifique o mecanismo em cada um dos casos.
b) Dê duas vantagens que esses mecanismos trazem para os vegetais.

resposta:a) I. Dispersão de sementes (Anemocoria)
II. Polinização (Entomofilia)
III. Dispersão de sementes (Zoocoria)
IV. Dispersão de sementes (Zoocoria)
V. Polinização (Quiropterofilia)

b) Aumento da variabilidade genética graças à polinização cruzada.
A disseminação de sementes permite a exploração de novos ambientes.

origem:Unicamp-1994
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:A freqüência do gene i, que determina o grupo sangüíneo O, é de 0,40 (40%) em uma população em equilíbrio. Em uma amostra de 1000 pessoas desta população, quantas se espera encontrar com sangue do tipo O? Explique as etapas que você seguiu para chegar à resposta. Indique o genótipo das pessoas do grupo sangüíneo O.

resposta:freqüência do gene i = 0,40
freqüência do genótipo ii = (0,40)£ = 0,16 = 16%
Portanto, espera-se encontrar 160 pessoas em uma amostra de 1000 que serão do tipo O (genótipo ii).

origem:Unicamp-2000
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:Imunologia

pergunta:Os médicos verificam se os gânglios linfáticos estão inchados e doloridos para avaliar se o paciente apresenta algum processo infeccioso. O sistema imunitário, que atua no combate a infecções, é constituído por diferentes tipos de glóbulos brancos e pelos órgãos responsáveis pela produção e maturação desses glóbulos.

a) Explique como macrófagos, linfócitos T e linfócitos B atuam no sistema imunitário.

b) Explique que mecanismos induzem a proliferação de linfócitos nos gânglios linfáticos.

resposta:a) Macrófagos são células fagocitárias. Linfócitos T reconhecem os antígenos "apresentados" pelos macrófagos e mediam a resposta imunológica através da liberação de linfocinas. Linfócitos B, ativados pelos linfócitos T, se dividem originando os plasmócitos produtores de anticorpos específicos.

b) A passagem e contato dos agentes infecciosos com os linfócitos presentes nos gânglios linfáticos induz a proliferação destes glóbulos brancos.

origem:Unicamp-2000
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:O controle do volume de líquido circulante em mamíferos é feito através dos rins, que ou eliminam o excesso de água ou reduzem a quantidade de urina produzida quando há deficiência de água. Além disso, os rins são responsáveis também pela excreção de vários metabólitos e íons.

a) Qual é o hormônio responsável pelo controle do volume hídrico do organismo? Onde ele é produzido?

b) Qual é o mecanismo de ação desse hormônio?

c) Qual é o principal metabólito excretado pelos rins? De que substâncias esse metabólito se origina?

resposta:a) Hormônio anti-diurético (ADH) ou vasopressina, produzido no hipotálamo, armazenado e secretado pela neuro-hipófise.

b) Diminui o volume urinário aumentando a reabsorção de água nos túbulos renais.

c) Uréia. Esse composto orgânico é produzido no fígado a partir da amônia derivada do metabolismo de aminoácidos.

origem:Unicamp-2000
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:A transpiração é importante para o vegetal por auxiliar no movimento de ascensão da água através do caule. A transpiração nas folhas cria uma força de sucção sobre a coluna contínua de água do xilema: à medida que esta se eleva, mais água é fornecida à planta.

a) Indique a estrutura que permite a transpiração na folha e a que permite a entrada de água na raiz.

b) Mencione duas maneiras pelas quais as plantas evitam a transpiração.

c) Se a transpiração é importante, por que a planta apresenta mecanismos para evitá-la?

resposta:a) Estômatos e cutícula permitem a ocorrência da transpiração pelas folhas dos vegetais. Pêlos absorventes da raiz são os responsáveis pela entrada de água nos vegetais terrestres.

b) São mecanismos que evitam a transpiração excessiva nas plantas:

- folhas transformadas em espinhos
- cutícula espessa
- fechamento estomático
- estômatos em criptas e localizados na epiderme inferior
- queda de folhas (caducifolia)

c) A desidratação excessiva pode levar o vegetal à morte.

origem:Unicamp-2000
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:Abaixo estão esquematizadas as seqüências de aminoácidos de um trecho de uma proteína homóloga, em quatro espécies próximas. Cada letra representa um aminoácido.




a) Quantos nucleotídeos são necessários para codificar a seqüência de aminoácidos nas espécies 1 e 2? Justifique.

b) Pode-se dizer que seqüências idênticas de aminoácidos são sempre codificadas por seqüências idênticas de nucleotídeos? Justifique.

c) Considerando que as espécies 2, 3 e 4 se originaram da espécie 1, que tipo de mutação originou cada seqüência?

resposta:a) São necessários pelo menos 84 nucleotídeos pois cada aminoácido de uma proteína é codificado por uma trinca de nucleotídeos.

b) Não. Devido à degeneração do código genético, um aminoácido pode ser codificado por mais do que uma trinca de nucleotídeos.

c) A mutação que originou a espécie 2 foi uma SUBSTITUIÇÃO. Uma INVERSÃO produziu a alteração verificada na espécie 3 e uma DELEÇÃO acarretou o surgimento da espécie 4.

origem:Unicamp-2000
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:O gráfico a seguir mostra a mortalidade de mosquitos de uma determinada espécie quando expostos a diferentes concentrações de um inseticida. A resistência ou susceptibilidade ao inseticida é devida a um locus com dois alelos, A e A‚.




a) Qual é o genótipo mais resistente? Como você chegou a essa conclusão?

b) Observando as três curvas, que conclusão se pode tirar sobre as relações de dominância entre os alelos deste locus? Explique.

c) Os indivíduos de cada um dos genótipos não se comportam da mesma forma quanto à resistência ao inseticida e, por isso, os pontos distribuem-se ao longo da curva. Essas diferenças podem ser atribuídas a efeitos pleiotrópicos de outros genes? Justifique sua resposta utilizando o conceito de efeito pleiotrópico.

resposta:a) O genótipo que confere ao inseto maior resistência ao inseticida é A‚A‚. A observação do gráfico mostra que é necessária maior concentração do praguicida para eliminá-lo.

b) Co-dominância ou Herança sem dominância. O heterozigoto apresenta fenótipo intermediário entre os homozigotos.

c) O efeito pleiotrópico de outros genes pode explicar as diferenças de comportamento dos mosquitos frente ao inseticida. Genes que atuam sobre outras características podem agir também sobre a resistência desses insetos aos praguicidas.

origem:Unicamp-1993
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:Considerando que a informação genética é igualmente carregada pelo óvulo e pelo espermatozóide, responda:
a) Por que o óvulo é geralmente muito maior do que o espermatozóide?
b) Como essa diferença aparece durante a gametogênese?

resposta:a) Porque acumula vitelo para nutrir o embrião no início do desenvolvimento
b) Ocorre intensa síntese de proteínas durante o período de intérfase por que passam as ovogônias

origem:Unicamp-1993
tópico:
Biologia (não classificadas)

sub-grupo:

pergunta:O nitrogênio é essencial à vida e, embora aproximadamente 79% da atmosfera terrestre seja nitrogênio gasoso (N‚), apenas poucas bactérias e algas são capazes de utilizá-lo nessa forma.
a) Sob que forma o nitrogênio é obtido por plantas e animais?
b) Para que os seres vivos utilizam o nitrogênio?

resposta:a) As plantas absorvem principalmente nitratos do solo. Animais obtém nitrogênio através da alimentação.
b) Produção de aminoácidos, proteínas e ácidos nucléicos.

 


morfologia sistema circulatorio arterias, veias e coração